Publicidade

Fãs se revoltam com decisão em processo de Johnny Depp

Publicado por Bruno Tomé

25/03/2021 10:57

A Justiça do Reino Unido negou a apelação de Johnny Depp no caso contra o jornal The Sun. O ator de Piratas do Caribe tentava um novo julgamento em processo contra o veículo que o chamou de “espancador de esposa”.

O caso de difamação foi baseado no divórcio de Johnny Depp e Amber Heard, de Aquaman e Liga da Justiça. A atriz acusou o famoso de violência doméstica – ao mesmo tempo que o ator fez a mesma alegação contra a ex.

Em novembro de 2020, o juiz Andrew Nicol deu a vitória do caso ao The Sun, que contou com depoimento de Amber Heard. A defesa de Johnny Depp tentou apelar que a atriz de Aquaman não seria uma testemunha confiável.

A prova utilizada foi de que a famosa prometeu doar os US$ 7 milhões do divórcio com Johnny Depp para caridade. Porém, isso ainda não foi feito – para defesa do ator de Piratas do Caribe, a artista usou a justificativa para ganhar o dinheiro.

Mesmo com a nova derrota, Johnny Depp ainda tem outra tentativa. O ator move um processo nos EUA contra o The Washington Post e Amber Heard.

A atriz de Aquaman escreveu um artigo no jornal sobre violência doméstica. Mesmo sem citar o ex-marido, a famosa deu a entender de que ele é o criminoso do texto – assim, Johnny Depp move mais um caso de difamação.

Fãs revoltados

Nas redes sociais, fãs estão revoltados com a decisão da Justiça do Reino Unido. A hashtag Justice for Johnny Depp (ou Justiça para Johnny Depp) entrou nos assuntos do momento após a notícia.

Vale dizer que o caso ainda gera muita polêmica. Apesar dos apoiadores do ator levantarem o movimento, há quem também esteja do lado de Amber Heard.

“Nunca se entregue. Nunca desista. A justiça vai prevalecer no fim”, disse uma fã.

Johnny Depp teve testemunhos de policiais e médicos, testemunhas, imagens de vídeo, gravações e fotografias. Sistema legal do Reino Unido: Ela disse que aconteceu”, reclamou outro internauta.

“Se alguém vier com ‘Johnny Depp é privilegiado e poderoso’, eu vou enlouquecer. Ele não pode nem apelar. Não parece ter poder para mim”, comentou uma terceira.

“O sistema da justiça falhou com você, mas o público nunca vai. Me desculpe”, postou outro fã de Johnny Depp.

“‘Ela nem bateu nele com força’. E eu achei que ele estava apenas bancando o Advogado do Diabo. Eles não se importam se ela bate nele”, reclamou ainda uma internauta.

Nos Estados Unidos, o julgamento deve acontecer apenas em 2022. Veja abaixo as reações dos fãs de Johnny Depp.

Publicidade