Veja o que realmente aconteceu com as gêmeas Olsen de Três é Demais

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mary-Kate e Ashley Olsen foram grandes estrelas de Hollywood até os anos 2000. A fama começou quando as gêmeas ainda eram crianças.

As duas dividiram o mesmo papel na famosa comédia Três é Demais, que estreou em 1987. Ao contrário de outras estrelas infantis, que ficam marcados por um papel, as gêmeas Olsen fizeram uma carreira na TV e no cinema.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após Três é Demais, as gêmeas passaram a estrelar diferentes filmes para o público jovem. Entre 1990 e 2000, Mary-Kate e Ashley Olsen fizeram 36 longas que foram lançados diretamente em VHS.

Muitos deles ficaram famosos. Entre eles, As Namoradas do Papai, Dose Dupla e Passaporte para Paris. A estratégia continuou nos anos 2000, com longas como O Desafio e No Pique de Nova York.

Mesmo com a fortuna ganha com as produções, algo não parecia correto. Aos poucos, Hollywood notou que as gêmeas Olsen não gostavam dessa vida.

Em entrevista para Marie Claire, Mary-Kate contou qual era o real sentimento. “Eu olho para fotos antigas e não me sinto conectada com elas”, afirmou a atriz.

As gêmeas ainda diziam que se sentiam como pequenas atrações de circo para todos. Aos poucos, Mary-Kate e Ashley Olsen começaram a sumir de Hollywood.

Então, o que aconteceu?

Sumiço em Hollywood

As gêmeas Olsen cansaram da vida de atrizes. Isso até levou ao divórcio dos pais na década de 1990.

Veículos relataram que os pais das estrelas de Três é Demais terminaram porque um deles queria afastar as filhas da fama. Para Entertainment Weekly, Dave Olsen, o pai das meninas, tinha tentado tranquilizar a todos.

Mas, todos sabiam que o divórcio tinha deixado marcas profundas em Mary-Kate e Ashley Olsen. Em 2004, No Pique de Nova York se tornou o filme final das gêmeas – ao menos juntas.

No mesmo ano, as duas foram para universidade em Nova York. Mary-Kate ainda fez mais alguns papéis, mas sem o mesmo compromisso de antes (apareceu em Weeds em 2007 e em A Fera, em 2011).

Para Elle do Reino Unido, a ex-atriz contou que as irmãs não queriam mais ser “o centro das atenções”.

“Não precisamos ser um rosto bonito apenas. Fizemos isso, mas é importante estarmos do outro lado. Não gostamos de ser o centro das atenções”, declarou a famosa.

A partir da decisão, as gêmeas Olsen se tornaram estilistas, profissão que parece ser a paixão delas. As ex-atrizes lançaram duas marcas e são bem-sucedidas com elas.

Como patrimônio, as famosas teriam mais de US$ 500 milhões. Já a atuação deixaram para irmã Elizabeth Olsen, que brilha como a Feiticeira Escarlate nas séries e filmes da Marvel.

Veja abaixo a transformação das irmãs Olsen.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio