Pai de Heath Ledger revela as últimas palavras do ator

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O mundo ficou em choque em janeiro de 2008 quando Heath Ledger foi encontrado morto em seu apartamento, aos 28 anos, após uma overdose de remédios. Neste dia 4 de abril, o ator eternizado pelo papel de Coringa em Batman: O Cavaleiro das Trevas faria 42 anos.

Em entrevista dada ao Daily Mail Australia, o pai do ator, Kim Ledger, contou detalhes de sua morte.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De acordo com o empresário, Heath Ledger tinha acabado de ter uma conversa com a irmã, Kate, sobre remédios controlados. O conselho dela era que misturá-los não era uma boa ideia.

As últimas palavras do intérprete do Coringa foram: “Kate, Kate, eu vou ficar bem!”

“Em sua última conversa com Kate, eles tiveram uma discussão sobre os medicamentos. Ela aconselhou que ele não podia misturar remédios que nem mesmo conhecia.”

O pai do ator acrescentou: “A morte foi totalmente culpa dele, de mais ninguém. Ele foi atrás desses medicamentos. Ele os colocou em seu sistema, o que é difícil de aceitar, porque eu o amava muito e tinha muito orgulho dele.”

Morte precoce

O pai de Heath Ledger contou ainda que o ator vinha trabalhando muito, sem poder parar.

“Heath viajava muito e não conseguia ir ao médico. Era tanta pressão para fazer as coisas que o próprio corpo dizia: ‘Tome esses comprimidos para a dor e vá em frente.’”

“Foi o que aconteceu com Heath, ele filmava de noite e tinha que voltar ao set no dia seguinte.”

“Ele vivia tossindo. Mas dizia para si mesmo que estava melhor porque queria terminar o filme.”

No momento em que morreu, Heath Ledger já tinha concluído seu trabalho como Coringa em Batman: O Cavaleiro das Trevas, mas acabou nunca tendo a chance de ver seu próprio desempenho. O ator acabou ganhando um Oscar póstumo pelo papel.

Batman: O Cavaleiro das Trevas, com Heath Ledger, está agora disponível na Netflix. O filme foi dirigido por Christopher Nolan.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio