Olivia Wilde é atacada por internautas; entenda a polêmica

Velhas entrevistas com a atriz e diretora da Marvel causaram controvérsia

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alguns internautas estão atacando Olivia Wilde por causa de velhas entrevistas da atriz e diretora. Ela foi acusada de ser homofóbica por conta de algumas declarações consideradas “insensíveis”.

Um tuite de fã citou entrevistas antigas com a atriz, durante as quais ela falou sobre tornar-se diretora.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Quase sinto-me como alguém que saiu do armário. Há esse sentimento de honestidade sobre o que eu realmente quero fazer, e é um nível de conforto de verdadeira comigo mesma que eu não sentia há muito tempo”, disse a atriz na entrevista ao Off Camera.

O tuite também apontou para outro comentário feito por Wilde. Falando sobre sua vida após o divórcio de Tao Ruspoli, Wilde disse que depois de sair com muitos homens, ela considerou “um tipo suave de relacionamento lésbico, apenas beijos suaves e tesouradas”.

O tuite rapidamente se espalhou online e alguns acusaram ela de homofobia, outros apenas disseram que ela foi insensível, mas não com má intenção. Outros criticaram quem está cancelando a atriz.

Veja o tuite original, abaixo.

Olivia Wilde vai dirigir derivado do Homem-Aranha

A Sony Pictures acaba de dar um grande passo no desenvolvimento de seu próprio universo cinematográfico de personagens da Marvel, contratando a atriz e diretora Olivia Wilde (Tron – O Legado, da Disney) para dirigir um novo filme sem título para o estúdio.

O Deadline trouxe a notícia do projeto, que supostamente se centra em uma personagem feminina e tudo indica que não é outra senão a Mulher-Aranha.

De acordo com o Deadline, Wilde considerou recusar a oferta, mas reconsiderou depois de perceber que ela poderia lançar sua própria franquia de super-heróis comandada por mulheres.

Wilde escreveu o roteiro do projeto com a parceira de redação Katie Silberman, tendo anteriormente colaborado no filme independente de sucesso de 2019, Fora de Série.

Amy Pascal (Homem-Aranha: Longe de Casa) vai produzir o projeto.

Não está claro quando exatamente Wilde dirigirá o filme, sem nem mesmo levar em conta que a pandemia de coronavírus está dificultando muito as produções dos Estados Unidos.

Conforme descrito no relatório, Wilde, Silberman e Pascal já estão prontas para trabalhar juntas em outro filme, uma comédia de Natal na Universal, que elas esperam filmar antes deste novo projeto da Marvel na Sony.

Esse longa de Natal também viria após seu próximo filme, o suspense Don’t Worry, Darling, estrelado por Florence Pugh, Chris Pine, Shia LaBeouf e Dakota Johnson.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio