Assassinato de Rafael Miguel completa 2 anos e ex do ator de Chiquititas desabafa

Pai da namorada assassinou o astro

Publicado em 10/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Rafael Miguel foi assassinado em 9 de junho de 2019 e seu assassino, Paulo Cupertino, segue foragido. Cupertino não aceitava o namoro da sua filha com o ator de Chiquititas. Agora, a namorada, Isabela Tibcherani, publicou uma mensagem comovente nas redes sociais.

O crime aconteceu na frente da casa de Isabela, que tinha 18 anos na época, na Zona Sul de São Paulo. No Instagram, ela publicou o desabafo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Sinto que perdi o direito do silêncio. Esse mês chegou pra mim com os dois pés no meu peito e eu só pude abrir os braços e cravar meus pés no chão, porque não posso me abater”, escreveu Isabela.

“2 anos se passaram e a dor permanece aqui, na maioria dos dias, guardada em um lugar de difícil acesso, mas não tem sido fácil”, continuou

“Não quero me estender, não encontro nem palavras. não esperava que fosse me sentir assim, como se tivesse sido ontem. Tô abatida, tô cansada dos questionamentos, cansada de ter que ser firme”.

“Às vezes, tudo que a gente quer é um abraço e o silêncio confortável, pra poder chorar tudo que for preciso, e seguir em frente. não cabe a mim resolução alguma, eu sei tanto quanto qualquer um, e sei mais ainda do que eu sinto, todos os dias”.

“Se as pessoas soubessem como é dentro da minha cabeça, do meu coração, diariamente. Falta tanto, falta muito. A falta é constante”, concluiu a ex do astro de Chiquititas.

Veja a publicação, abaixo.

O caso do assassinato

Paulo Cupertino Matias foi acusado de matar o astro de Chiquititas, como seu pai, João Alcisio Miguel, e a mãe do jovem, Miriam Selma Miguel.

Rafael Miguel e os pais foram assassinados em junho de 2019, em São Paulo. A motivação seria o namoro do ator de Chiquititas com a jovem Isabela Tibcherani.

No dia do crime, o trio foi até a casa da jovem. Cupertino, o suspeito, é pai de Isabela e não aprovava o namoro da filha com o artista.

Por conta disso, teria baleado Rafael Miguel e também os pais dele. Após o crime, Cupertino não foi mais visto pelas autoridades.

Nas investigações, os policiais teriam identificado diferentes esconderijos do homem. O suspeito teria ficado 15 meses em uma fazenda do Mato Grosso do Sul e depois teria fugido para o Paraguai.

Atualmente, o homem é acusado de homicídio triplamente qualificado.

Em Chiquititas, Rafael Miguel ficou conhecido por ser o Paçoca. Atualmente, a série infantil está disponível na Netflix e em exibição no SBT.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio