Jackie Chan quer se juntar ao Partido Comunista da China

Ator esteve na comemoração dos 100 anos do PCCh

Publicado em 12/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jackie Chan gerou controvérsia nas redes sociais ao dizer que gostaria de se juntar ao Partido Comunista da China (PCCh). Isso ocorreu durante a celebração dos 100 anos do partido, em 1 de julho.

Na ocasião, o líder do partido, Xi Jinping, fez um discurso celebrando a história do PCCh e várias celebridades do país compareceram, incluindo Jackie Chan. O ator aproveitou para demonstrar sua admiração pelo partido.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Estou com ciúme que vocês são membros do PCCh. O PCCh é realmente ótimo. As promessas do PCCh não levam 100 anos, elas são cumpridas em décadas”, disse Jackie Chan (via CBR). “Eu quero ser um membro do PCC”.

Veja o vídeo com o discurso do ator, abaixo.

Ator apoia do PCCh há tempos

A postura do ator se encaixa com o que ele disse previamente. Em 2019, durante os protestos em Hong Kong, Chan declarou sentir orgulho de ser cidadão chinês, em aparição na televisão chinesa.

“Eu sinto o orgulho de ser chinês em todos os lugares para onde vou. A bandeira vermelha de cinco estrelas é respeitada em todo o mundo”, disse Jackie Chan.

“Também sinto que a segurança, a estabilidade e a paz são como o ar puro. Nunca se sabe o quão precioso é até isso ser perdido”, continuou Chan.

O mais recente trabalho de Jackie Chan foi na comédia All U Need is Love.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio