Após ordem de restrição, ator de O Esquadrão Suicida é investigado por estupro

Nas redes sociais, artista da DC garante que é vítima de extorsão

Publicado em 12/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Joel Kinnaman, o Rick Flag de O Esquadrão Suicida, é investigado por estupro na Suécia. O caso surge após o próprio ator da DC pedir uma ordem de restrição contra uma modelo, com o ator da DC afirmando que é vítima de extorsão.

A E! News afirma que uma queixa foi registrada contra o ator sueco, dando início a essa investigação. Aparentemente, Bella Davis, modelo acusada pelo ator de O Esquadrão Suicida, teria feito a acusação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os advogados do ator da DC enviaram uma nota para imprensa. Os representantes afirmam que a acusação foi feita por Kinnaman expôr a situação com a modelo, com quem teve um breve caso em 2018.

“Parece que ao saber da ordem de restrição, ela fez a acusação. Os documentos que o senhor Kinnaman registrou na justiça, entre outras coisas, afirmam que a senhorita Davis ameaçou publicar informações falsas sobre ele – incluindo que fez sexo contra vontade – a não ser que ele atendesse pedidos de dinheiro e outras demandas, como introdução em Hollywood, um visto de trabalho, conta verificada no Instagram e mais. O senhor Kinnaman estará cooperando com a polícia para limpar o nome dele”, afirmaram os representantes do ator da DC.

Além da nota, o ator de O Esquadrão Suicida não se pronunciou.

Comentou situação no Instagram

Antes, o ator de O Esquadrão Suicida fez o pronunciamento no Instagram. A ex do sueco é a modelo Gabriella Magnusso.

“Pedi uma ordem de restrição contra uma mulher que tem ameaçado prejudicar fisicamente a mim e à minha família e aos entes queridos, e tentando extorquir dinheiro e outras coisas de valor de mim”, escreveu Kinnaman.

Conhecida como Bella Davis, a modelo teria feito uma lista com exigências para não inventar acusações de estupro, como comentado na nota dos advogados.

“Uma lista de exigências que inclui dinheiro, conexões de Hollywood, ajudando a garantir um visto de trabalho, uma página verificada no Instagram, uma página da Wikipédia, um adicional de US$ 400 mil para um apartamento e muito mais”, completou Kinnaman.

O ator da DC explicou em detalhes o que aconteceu. Joel Kinnaman teve um romance com a modelo, também sueca, em 2018.

Após ter cortado as relações, a mulher teria começado as ameaças, além de fazer cobranças.

“No dia seguinte, ela me mandou uma mensagem dizendo que estava incomodada por eu não ter pedido para ela passar a noite e que eu não verifiquei com ela para ter certeza de que ela chegou em casa em segurança”, contou o ator de O Esquadrão Suicida.

O TMZ já havia publicado o pedido de ordem de restrição do ator. No fim, Kinnaman diz ter gravações que confirmam que as relações foram consensuais e afirma que sofre uma tentativa de extorsão.

A publicação pode ser vista abaixo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio