Publicidade

Após 13 anos

Britney Spears está oficialmente livre de tutela do pai

Finanças e vida pessoal da artista eram controladas de forma rígida

Publicado por Guilherme Coral

13/11/2021 12:50

Após 13 anos, Britney Spears está oficialmente livre da tutela do pai dela, conforme determinação judicial. A questão foi abordada em recente documentário da Netflix, intitulado Britney vs. Spears.

Todo esse problema teve origem em 2008, após a cantora sofrer com questões de saúde mental e hospitalizações. A tutela temporária foi estabelecida na época.

Isso consiste em um guardião nomeado pelo tribunal para cuidar das finanças ou vida diária de indivíduos que não podem tomar decisões por conta própria, seja por questões de saúde mental ou física.

No caso de Britney Spears, o pai dela, Jamie, foi nomeado para cuidar da vida financeira e pessoal da artista pop. Foi em 2019 que essa tutela passou a chamar atenção, depois de Spears tirar uma pausa indefinida, com alegações sobre o pai dela abusar dela por meio da tutela.

Britney Spears está livre

O movimento #FreeBritney (libertem a Britney, em tradução livre), no entanto, começou após testemunho impactante da artista em julho de 2021. Ela disse que o pai dela controlava todos os aspectos da vida dela, alegando ter sido forçada a tomar remédios, apresentar-se contra vontade dela e era até proibida de ter mais filhos.

Em setembro de 2021, o pai de Britney Spears foi suspenso da tutela e a equipe da artista continuou a lutar para acabar com a tutela de vez.

Conforme a Variety, a tutela oficialmente foi encerrada depois de 13 anos. A audiência realizada em 12 de novembro de 2021 resultou na determinação judicial de que a tutela não é mais necessária. Com isso, Britney Spears conseguiu o que queria e agora está livre do controle do pai.

O documentário Britney vs Spears está disponível na Netflix.

Publicidade