Publicidade

Drama pessoal

O que aconteceu com astro sumido de CSI

Gary Dourdan, o Warrick, retorna na Netflix em O Resgate: O Dia da Redenção

Publicado por Alexandre Guglielmelli

08/12/2021 10:00

Gary Dourdan está fazendo sucesso na Netflix como o protagonista de O Resgate: O Dia da Redenção, um eletrizante filme de ação. Mas você provavelmente conhece o ator por sua performance como o detetive Warrick Brown na série CSI. Após deixar a série, o astro passou um bom tempo sumido da TV e do cinema. Explicamos abaixo o motivo desse sumiço; veja.

Até hoje, Warrick Brown é o personagem mais querido (e famoso) da carreira de Gary Dourdan. Na trama de CSI, Brown era um analista extremamente competente, que usava suas experiências do passado para entender melhor os criminosos e arrasar nas investigações.

Com um passado conturbado – marcado principalmente pelo vício em apostas – Brown não demorou para se tornar um dos personagens mais populares de CSI.

Gary Dourdan fez parte do elenco principal de CSI da primeira à oitava temporada, e só deixou a série por divergências contratuais.

O que aconteceu com Gary Dourdan após CSI?

Em 2008, a mídia já especulava sobre a despedida de Gary Dourdan em CSI, principalmente após rumores indicarem rusgas nos bastidores.

Após meses de negociação, o ator não atingiu um consenso com a emissora CBS, e por isso, não teve o contrato renovado.

Em abril de 2008, a emissora confirmou oficialmente que Dourdan estava deixando a série. Warrick Brown aparece pela última vez no episódio final da oitava temporada.

Na mesma época, Gary Dourdan passava por momentos complicados nos bastidores e em sua vida pessoal.

Ainda em 2008, o ator foi preso por posse de drogas – especificamente cocaína e ecstasy. Dourdan também foi acusado de possuir heroína, mas a acusação foi retirada posteriormente.

Embora tenha causado grande polêmica, a prisão não se relacionou à saída de Gary Dourdan em CSI.

Na época do incidente, o ator já havia finalizado seu contrato e gravado as últimas cenas de seu personagem.

Em junho de 2011, após bater o carro, Dourdan foi preso novamente, desta vez por posse da droga oxi.

As acusações foram retiradas, mas o ator chegou a ser processado por ter “parafernália para o uso de drogas” em seu veículo, um crime nos Estados Unidos.

Em novembro do mesmo ano, Gary Dourdan foi detido por violência doméstica após alegadamente quebrar o nariz da namorada.

O ator foi condenado a 5 anos de liberdade condicional e algumas semanas de tratamento e terapia para agressores em casos de violência doméstica. Além disso, Dourdan ficou impedido de se aproximar da ex-namorada por pelo menos 5 anos.

Em agosto de 2012, Gary Dourdan decretou falência. Na época, as dívidas do ator acumulavam mais de 1,7 milhões de dólares.

Desde sua despedida em CSI até a atualidade, Gary Dourdan continuou na ativa na indústria do entretenimento.

No entanto, o ator teve apenas participações esporádicas em séries de TV e performances em filmes independentes. Ou seja, ele “sumiu” da indústria na visão da maioria dos fãs.

Mesmo assim, Gary Dourdan atuou em pelo menos em 7 séries (incluindo Glee e Being Mary Jane) e 17 filmes entre 2008 e 2021.

O projeto mais recente do ator foi o filme de ação O Resgate: O Dia da Redenção, disponível na Netflix.

Publicidade