Mais do que você gosta.

Publicidade

Gwyneth Paltrow é processada e pode pagar mais de 3 milhões de dólares por acidente de esqui

Publicado por Alexandre Guglielmelli

30/01/2019 13:20

Gwyneth Paltrow está sendo processada por um médico do estado americano de Utah, que afirma que a atriz o atropelou enquanto esquiava, em fevereiro de 2016.

Gwyneth Paltrow pode produzir programa de variedades para a Netflix

Terry Sanderson, de 46 anos, afirma que Paltrow estava “esquiando fora de controle” no resort Deer Valley, em Park City. De acordo com documentos obtidos pela revista People, o autor do processo pede 3,1 milhões de dólares como indenização.

O requerente também conta que a atriz não prestou socorro, e que após o acidente, abandonou o local, deixando o acidentado jogado na neve, com sérios ferimentos.

Gwyneth Paltrow sabia que era errado nocautear o Dr. Sanderson, subir em cima dele e deixar a cena do crime”, afirma Sanderson no processo.

Para justificar o pagamento da quantia, o médico alega “lesões permanentes no cérebro”, quatro costelas quebradas, dor, sofrimento, perda de alegria, estresse emocional e desfiguramento.

Procurada pela revista People, a equipe de assessores de Gwyneth Paltrow afirmou que o processo não tem mérito nenhum, e que a atriz definitivamente não causou o acidente.

Publicidade