Como todos já imaginavam devido aos boatos de confusões nos bastidores, a diretora Sam Taylor-Johnson anunciou oficialmente que não irá comandar a sequência de Cinquenta Tons de Cinza, que se chamará Cinquenta Tons Mais Escuros.

“Dirigir Cinquenta Tons de Cinza foi uma jornada intensa e incrível pela qual estou profundamente grata. Eu preciso agradecer os estúdios Universal por isso. Eu construí relações próximas e duradouras com o elenco, com os produtores e especialmente com Dakota Johnson e Jamie Dornan. Embora eu não retorne para dirigir as sequências, desejo muito sucesso para qualquer pessoa que aceitar o empolgante desafio de dirigir o segundo e o terceiro filmes”, disse Sam ao site Deadline.

Desde as pré-estreias de Cinquenta Tons de Cinza a diretora já havia deixado claro que não estava se dando bem com a autora E.L James, que insiste em em escrever o roteiro sozinha, para que o filme saia de acordo com a sua visão sobre a trama.