Zack Snyder, diretor de Batman Vs Superman: A Origem da Justiça, confessou em entrevista à Empire ser relutante em fazer um filme solo do Homem-Morcego e se mostrou agradecido pelo “legado deixado” por Christopher Nolan (diretor da última trilogia do Batman).

“Se fosse um filme do Batman, a proposta [de Batman Vs Superman] seria bem mais difícil, porque os filmes de Chris são muito bons. Nós vivemos em gratidão a esses filmes. Chris definiu o tom para o Universo DC e nos separou dos filmes da Marvel em grande estilo. Nós somos o legado desses filmes”, admitiu.

Aproveitando o gancho, Snyder falou sobre a rivalidade entre DC e Marvel no cinema.


“Desde o início [da criação dos universos das editoras no cinema], o tom dos filmes são diferentes. A DC é um mundo antigo, de muitas maneiras. E eu posso imaginar por que as pessoas gostam de tornar isso numa grande e intensa rivalidade. Olha, os filmes da Marvel são ótimos. Eu amei Guardiões da Galáxia… Mas nossos filmes são um pouco mais sérios. Eles lidam com coisas um pouco mais obscuras, coisas que já existem no nosso universo”.

Zack Snyder também fala sobre Robin, luta entre Batman e Superman, e mais

Um novo filme solo do Batman está nos planos da Warner Bros para 2018 – leia mais. Antes, porém, chegará aos cinemas Batman Vs Superman: A Origem da Justiça, que tem estreia marcada para 24 de março de 2016.

O longa conta com Ben Affleck como Batman, Henry Cavill como Superman, Gal Gadot como Mulher-Maravilha, Jesse Eisenberg como Lex Luthor, Amy Adams como Lois Lane, Ray Fisher como Cyborg, Jason Momoa como Aquaman, entre outros, e serve como preparação para os eventos de Liga da Justiça.