O dia em que Steven Spielberg influenciou o futebol brasileiro

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Londrina Esporte Clube – também chamado simplesmente de Londrina ou LEC – é o principal time do interior do Paraná e, depois do chamado “trio de ferro” da capital Curitiba (Atlético Paranaense, Coritiba e Paraná Clube), é a equipe mais vitoriosa do estado.

“É o que tudo isso tem a ver com Steven Spielberg?”, alguém deve estar a perguntar. De fato, o diretor da franquia Indiana Jones não é conhecido por ter paixão pelo “soccer” (como o futebol é chamado nos EUA) e nem se, em algum dia de sua vida, foi ao estádio assistir alguma partida. Mas a verdade é que, em uma história muito pouco conhecida, inclusive entre os cinéfilos, um dos trabalhos do diretor teve uma influência direta nessa equipe do futebol brasileiro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 1975, o filme Tubarão do então jovem diretor Spielberg foi um estouro de bilheteria, conquistou três Oscars e inaugurou a era dos “blockbusters” (“arrasa-quarteirões”, traduzido do inglês). Nessa mesma época, o Londrina estava com um grande time no qual se destacavam o técnico Armando Renganeschi (argentino radicado no Brasil) e o jogador Carlos Alberto Garcia (ex-Corinthians). A equipe foi a grande surpresa do Campeonato Brasileiro de 1977 tendo superado grandes times como Corinthians, Flamengo, Santos e Vasco da Gama e terminou em uma ótima quarta colocação.

Assim como no resto do mundo, Tubarão foi um grande sucesso no Brasil e acabou por influenciar a escolha do mascote da equipe alviceleste do norte do Paraná. A ideia é creditada aos jornalistas Victor Grein Neto e Rubens Fernando Cabral (tidos, respectivamente, como “pai” e “padrinho” do mascote). Como o Londrina era um time que “devorava” seus adversários, nada mais adequado do que ter o peixe feroz do filme de Steven Spielberg como seu símbolo. E assim ficou: o Londrina é o Tubarão – ou “Tuba”, como é carinhosamente chamado por sua torcida – do futebol brasileiro.

O “Tuba” fez tanto sucesso entre os torcedores que o departamento de marketing do Londrina criou o “Tubababy”, a versão infantil do mascote para as crianças que se tornou igualmente um sucesso a ponto de ter um site próprio no qual pode-se fazer downloads de desenhos para colorir e wallpapers e ainda se divertir com joguinhos online. E para quem já dirigiu filmes como E. T., o Extraterrestre; Hook, a Volta do Capitão Gancho e As Aventuras de Tintin: O Segredo do Licorne, é bem capaz que Spielberg curta muito essa ideia!

O Londrina passou por um período de vacas magras, que culminou com o rebaixamento para a série D do Campeonato Brasileiro. Entretanto, em 2014, voltou a conquistar o Campeonato Paranaense e conseguiu o acesso para a série C do Brasileirão, onde, atualmente, faz boa campanha. Os outros times que se cuidem, pois o Tubarão está de volta e com muita fome…

Veja o trailer legendado de Tubarão:

Veja aqui o gol da partida Londrina 1 x 0 Corinthians, marcado por Carlos Alberto Garcia, no Campeonato Brasileiro de 1977:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio