Sylvester Stallone apareceu de surpresa na Comic-Con 2015 para promover seu retorno como Rocky Balboa no filme derivado Creed. Mas seus comentários sobre a nova sequência da franquia, Rambo: Last Blood, que mais chamaram a atenção.

O ator revelou que o filme pode mostrar terroristas reais, já que a produção de Rambo 5 está explorando locações no Iraque e Síria, onde está localizada a maior fortaleza da organização terrorista ISIS.

“Estamos trabalhando com os moradores da área para entregar a mais intensa e realista experiência para o filme”, afirmou Stallone.


Quando perguntado sobre a contratação de integrantes reais do ISIS para o filme, o ator despistou e apenas disse que estava “realmente animado para falar sobre Creed.

Não ouvimos nada sobre Rambo 5 desde dezembro do ano passado, quando Sylvester Stallone confirmou o título do filme em sua página no Twitter. Em junho de 2014, a Splendid Media adquiriu os direitos da franquia e contratou Stallone para ser roteirista do filme, mas ainda não se sabe se ele tem planos de dirigí-lo.

No último papel de Stallone como John Rambo, em 2008, o ator contratou um ex-soldado da Guerrilha Burmesa do Exército do Estado de Shan, chamado Maung Maung Khin, para atuar como o vilão Tint, e outros refugiados de Shan e imigrantes do norte da Tailândia foram contratados para atuar como soldados burmeses.