O relatório divulgado pelo National Transportation Safety Board revelou a causa do acidente de avião sofrido por Harrison Ford em março deste ano. Foi falha mecânica, causada pela soltura do carburador da aeronave.

Segundo o relatório, quando a peça se soltou fez o fluxo de combustível aumentar e, como consequência, também fez com que o motor do avião perdesse potência. O carburador havia sido revisado pela última vez em 1998.

Além disso, o cinto de segurança de Ford não estava totalmente reforçado, o que contribuiu para que o ator tivesse vários ferimentos.


Quando começou a sentir os problemas da aeronave, Harrison Ford foi obrigado a fazer um pouso de emergência em Venice, na Califórnia, e acabou se chocando com o chão, em um campo de golfe, mas não sem antes atingir o topo de uma árvore. O relatório do NTSB diz que o ator não se lembra dos momentos que antecederam a queda.

Antes do acidente aéreo, ele já havia se machucado no set de Star Wars: O Despertar da Força. O intérprete de Han Solo quebrou a perna após uma porta da nave Millenium Falcon ter caído em cima dele.

Recentemente, o diretor J.J. Abrams revelou que também se feriu, fraturando a coluna, ao tentar socorrer o ator – leia aqui.

Star Wars – O Despertar da Força, o sétimo filme da saga, estreia nos cinemas brasileiros em 17 de dezembro.