Maze Runner: Prova de Fogo | Primeiras impressões

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma saga que ainda arranca suspiros e consegue cada vez mais seguidores é o que se pode dizer de Maze Runner.

O primeiro filme mostra o convívio de jovens do sexo masculino presos em um local chamado por eles de Clareira, onde existe um labirinto que tentam decifrar há anos para sair do local. Após muitas tentativas e diversos problemas, eles acabam conseguindo e são surpreendidos por um grupo chamado “C.R.U.E.L.”, que os leva para um refugio prometendo ajuda.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na continuação, Maze Runner: Prova de Fogo, podemos ver os os garotos e a única garota do grupo Teresa (Kaya Scodelario) fugindo dos integrantes do C.R.U.E.L., e durante essa fuga conhecendo novos lugares e pessoas, além de ser perseguidos pelos “cranks” (humanos doentes que se parecem com zumbis). No meio dessa nova aventura eles acabam encontrando Jorge (Giancarlo Esposito) e Brenda (Rosa Salazar), que dão um tom mais “animador” para a história.

Prova de Fogo tem uma boa direção e fotografia empolgante, infelizmente para os fãs do livro de James Dashner, que deu origem ao filme, o longa está bastante diferente do que é apresentado na obra literária – que vem fazendo um grande sucesso entre o público jovem assim como os já consagrados Harry Potter e Jogos Vorazes. Mas isso não é nada que torne o filme ruim, pelo contrário, a vontade de saber rapidamente como tudo termina é aumentada com esta continuação.

Crítica | Maze Runner: Prova de Fogo

Com direção de Wes Ball e roteiro de T.S. Nowlin, Maze Runner: Prova de Fogo ainda tem no elenco Dylan O’Brien (Thomas), Thomas Brodie-Sangster (Newt), Ki Hong Lee (Minho), Aidan Gillen (Janson), e chega aos cinemas brasileiros no próximo dia 17.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio