Após o criador de “Guerra Civil”, Mark Millar, comentar a rivalidade entre os heróis de sua saga, chegou a vez de Chris Evans explicar o conflito que estoura em Capitão América 3: Guerra Civil.

Durante sua participação na Salt Lake City Comic Con, o intérprete do Capitão América comentou a batalha entre o herói e o Homem de Ferro e surpreende ao dizer que entende o ponto de vista do seu rival no filme.

“Tony realmente acredita que os heróis devem assinar esses acordos e reportar suas ações a alguém, enquanto o Capitão, que sempre foi um soldado, não confia mais no governo. Tendo em vista tudo o que aconteceu em Capitão América 2, ele acha que está mais seguro agindo por conta própria. E estas são preocupações compreensíveis, mas é difícil, porque depois de ler o roteiro, eu acho que de certa forma concordei com Tony Stark. Para fazer [os Vingadores] funcionar, é preciso de trabalho em equipe. Não pode haver apenas uma pessoa dizendo o que é certo e apontando o que vamos fazer”.


“No entanto, o Capitão tem suas razões”, continua Evans. “Ele é um bom homem e talvez seja o mais puro moralmente. É complicado, mas o que torna o filme interessante é que ninguém está certo e ninguém está errado. Não há um vilão nessa história. Ambos têm um ponto de vista, algo que acontece com a maioria das pessoas em suas discussões sobre vida e política”, concluiu.

Segundo trailer do novo entrega grandes spoilers; confira!

Capitão América 3 será lançado em 14 de abril de 2016, inaugurando a Fase 3 da Marvel.

Confira as oito maiores lutas do filme

10 coisas que você precisa saber sobre Guerra Civil

O filme começa onde Vingadores: Era de Ultron parou, com Steve Rogers liderando a nova equipe dos Vingadores em seus esforços contínuos para proteger a humanidade. Depois que outro incidente internacional envolvendo os Vingadores causa danos colaterais, o aumento da pressão política resulta na instalação de um sistema de responsabilidade e um conselho governamental para determinar quando solicitar os serviços da equipe. O novo status quo fragmenta a equipe enquanto eles tentam proteger o mundo de um novo e nefasto vilão.

Guerra Civil não terá Ato de Registro de super-heróis, diz site

O elenco traz Chris Evans como Capitão América, Robert Downey Jr como Homem de Ferro, Tom Holland como Homem-Aranha, Frank Grillo como o vilão Ossos Cruzados, Chadwick Boseman como Pantera Negra, Scarlett Johansson como Viúva Negra, Sebastian Stan como Soldado Invernal, Anthony Mackie como Falcão, Jeremy Renner como Gavião Arqueiro, Elizabeth Olsen como Feiticeira Escarlate, Daniel Brühl como Barão Zemo, Emily VanCamp como Agente 13, Don Cheadle como Jim Rhodes/Máquina de Combate, Paul Bettany como Visão, Paul Rudd como Homem-Formiga, William Hurt como General Ross e Martin Freeman.

Artes revelam as equipes de Capitão América e Homem de Ferro

Tudo sobre Capitão América: Guerra Civil