Oscar 2016 contrata produtores de Django Livre e American Idol

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A cerimônia do Oscar 2016 já tem seus novos produtores: David Hill e Reginald Hudlin. A dupla substituirá Craig Zadan e Neil Meron, que produziram a maior festa do cinema pelos últimos três anos.

Vencedor do Emmy, Hill serviu como produtor executivo das duas últimas temporadas de American Idol, além de ter trabalhado como executivo do estúdio Fox por 25 anos. Já Hudlin recebeu uma indicação ao Oscar por ter produzido Django Livre e também serviu como diretor dos filmes Uma Festa de Arromba e O Príncipe das Mulheres, ambos dos anos 90.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Com seus entusiasmos e experiências, David e Reggie vão trazer uma nova perspectiva para o show do Oscar, disse o presidente da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, Dawn Hudson.

Além de cuidar das festividades da noite, os produtores também serão responsáveis por encontrar o novo apresentador (ou apresentadora) e determinar o tom da cerimônia, bem como a ordem em que os prêmios serão apresentados.

“Eu amo todo o tipo de filme e a premiação de 2016 será uma celebração da variedade do cinema”, disse Hudlin. “A missão é honrar os filmes do ano, honrar a arte, e acima de tudo, tornar a festa divertida”, acresentou Hill.

Os indicados ao Oscar 2016 serão anunciados em 14 de janeiro. A cerimônia que revelará os vencedores vai acontecer em 28 de fevereiro.

Há pouco menos de cinco meses para o anúncio dos indicados, já começam a surgir burburinhos sobre os principais candidatos às estatuetas. Este ano, a corrida é marcada por filmes que tratam de temas como amor, violência e com fortes papéis femininos; e Carol, drama lésbico estrelado por Cate Blanchett e Rooney Mara, está despontando como o filme a ser batido, segundo a imprensa norte-americana – leia mais.

As apostas estão sendo feitas com a iminência dos festivais de Toronto, Veneza e Sundance, que ocorrem entre setembro e janeiro e darão o pontapé inicial na temporada de premiações nos EUA, além de confirmarem as tendências para o próximo Oscar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio