Em entrevista à Empire, o produtor executivo Charles Roven e o diretor David Ayer falaram sobre o tom de Esquadrão Suicida.

O produtor relembrou como Ayer conseguiu convencer o estúdio a dar luz verde ao projeto incomum centrando em um grupo de supervilões.

“Nós acabamos de começar as filmagens de Batman Vs Superman e já pensávamos em como expandir o universo da Liga da Justiça no cinema. Então, David Ayer veio e apresentou sua ideia para Esquadrão Suicida, que tinha essa abordagem ousada e sombria, mas ainda assim o mesmo tom dos filmes que estamos tentando fazer. Foi quase impossível fazer uma superprodução sair do papel para as filmagens principais assim tão rápido, mas nós conseguimos”.


Por sua vez, David Ayer comentou as diferenças de Esquadrão Suicida com outros filmes do gênero e prometeu que o filme vai revolucionar o gênero adaptações de HQ.

“Sabe, todos esses filmes de heróis se tratam de derrotar o robô alienígena malvado da porr* do Planeta X antes que ele destrua o mundo. Quem liga pra essa porr*? Mas você faz uma história sobre luta e pessoas isoladas que estão na merd* e de repente ganham uma chance de salvação… não é tão ruim. Eu gosto de pensar que Esquadrão Suicida é a versão 2.0 das adaptações de quadrinhos”.

Formam o elenco principal: Jared Leto como Coringa, Margot Robbie como Arlequina, Will Smith como Pistoleiro, Jai Courtney como Capitão Bumerangue, Joel Kinnaman como Rick Flagg, Cara Delevingne como Magia, Karen Fukuhara como Katana e Viola Davis como Amanda Waller.

Dirigido por David Ayer (Corações de Ferro), Esquadrão Suicida estreia nos cinemas em 5 de agosto de 2016.

Tudo sobre: Esquadrão Suicida