A discussão sobre a desigualdade de gêneros em Hollywood esquentou de vez. Após Gwyneth Paltrow declarar que Robert Downey Jr (o Homem de Ferro) não merece o astronômico salário que ganha, agora é a vez de outra estrela de Hollywood, Jennifer Lawrence, se manifestar sobre sexismo.

Em um artigo escrito por ela na revista feminista de Lena Dunham (da série Girls), intitulado “Por Que Eu Ganho Menos Que Meus Colegas Masculinos?”, Lawrence protestou contra o fato de homens continuarem ganhando mais que mulheres na indústria cinematográfica.

“Quando se trata do assunto feminismo, eu permaneci sempre quietinha, mas com muita conversa, a mudança vem. Então eu quero ser honesta e franca sobre isso, e dedos cruzados para eu não aborrecer ninguém”, começou o texto. Logo depois ela se refere às suas negociações com a Sony para coestrelar o filme Trapaça, onde ganhou substancialmente menos que os colegas de elenco Jeremy Renner, Christian Bale e Bradley Cooper.


“Quando a Sony foi hackeada e eu descobri o quão menos eu ganhava em relação às sortudas pessoas com paus, eu não fiquei zangada com a Sony. Eu fiquei com raiva de mim mesmo. Eu falhei como um negociador porque eu desisti cedo. Eu não queria continuar lutando por milhões de dólares que, francamente, devido a duas franquias [Jogos Vorazes e X-Men], eu não precisava lutar”, disse a atriz.

“Eu estaria mentindo se eu disesse que o fato de eu querer ser gostada não influenciou na minha decisão de fechar o contrato sem um boa luta”, continuou. “Eu não queria ser vista como ‘difícil’ ou ‘mimada’. Mas eu estou cansada de procurar um jeito de dizer minha opinião de maneira ‘adorável’ e ainda ser simpática. Fod*-se isso!”, desabafou.

Jennifer Lawrence também aproveitou para sair em defesa de Angelina Jolie, chamada de “mimada” por um produtor de Hollywood.

“Isso não tem NADA a ver com a minha vagina, mas quando outro e-mail vazado da Sony revelou um produtor se referindo a uma colega de trabalho durante negociações como uma mulher ‘mimada’, por algum motivo, eu não consigo imaginar alguém dizendo isso sobre um homem”.

No ano passado, Robert Downey Jr fez US$ 80 milhões, se tornando o ator mais bem pago do mundo pelo terceiro ano consecutivo, enquanto a atriz mais bem paga, Jennifer Lawrence, ganhou US$ 28 milhões a menos que Downey Jr. no mesmo período e pela mesma quantidade de filmes.