A Walt Disney Pictures deu sinal verde para a produção de A Saga Merlin, adaptação aos cinemas da série de livros escrita por T.A. Barron, e contratou a roteirista Philippa Boyens (responsável pelas trilogias de O Senhor dos Anéis e O Hobbit) para assinar o filme. As informações são do Deadline.

Publicado em 1996, o primeiro volume, Merlin: Os Anos Perdidos (The Lost Years of Merlin), servirá de base para a primeira parte de uma planejada franquia.

O livro conta a história de origem do mago, jogado por um mar revolto, ainda criança, às margens do antigo País de Gales. Deixado para morrer, ele não tem memória, nome e nem casa, mas a sua determinação de descobrir quem é e aprender a verdade sobre seus misteriosos poderes, o levam a uma terra estranha e encantada, e é la que ele descobre que o destino desta terra e sua jornada por respostas estão estranhamente entrelaçadas.


Após Os Anos Perdidos, foram lançados mais 11 livros: The Seven Songs (1997), The Raging Fires (1998), The Mirror of Fate (1999), A Wizard’s Wings (2000), The Great Tree of Avalon (2004), Shadows on the Stars (2005), The Eternal Flame (2006), The Dragon of Avalon (2008), Doomraga’s Revenge (2009), Ultimate Magic (2010) e The Book of Magic Illustrated Treasury (2011).

Há anos em gestação, o filme baseado na Saga Merlin já ensaiava sair do papel há algum tempo, quando estava a cargo da Warner Bros. Não há novo cronograma definido, porém, para o projeto, agora sob os cuidados da Disney.