Em entrevista à Entertainment Weekly, o produtor David Heyman comparou Animais Fantásticos e Onde Habitam, filme derivado do universo de Harry Potter, com o quarto filme da série original, Harry Potter e o Cálice de Fogo, lançado há dez anos.

“Animais Fantásticos tem o charme do quarto filme [de Harry Potter]. Mike [Newell, diretor] gosta de pensar que O Cálice de Fogo é como um musical indiano – mas [o filme derivado] tem o humor daquele filme. É uma comédia romântica, tem um humor desajustado, muito humano, é uma comédia natural. David [Yates, diretor do spin-off] está sempre procurando por momentos humanos e verdadeiros, construindo a história com base na realidade. [Animais] É muito engraçado, tem uma grande alma, mas é sombrio também”.

O primeiro filme de uma trilogia derivada de Harry Potter, Animais Fantásticos e Onde Habitam estreia em 18 de novembro de 2016, com os outros dois filmes chegando aos cinemas em 2018 e 2020.


Na trama, o excêntrico e habilidoso magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne) chega a Nova York dos anos 1920 (por uma razão não divulgada) com sua inseparável mala mágica – bem maior por dentro, ao estilo do guarda-roupa de As Crônicas de Nárnia – que guarda em seu interior habitats para as várias criaturas mágicas raras e ameaçadas de extinção, coletadas por Newt em suas viagens pelo mundo.

Nos EUA, ele descobre que a Comunidade Americana de Bruxos está se escondendo de Trouxas (Muggles) – que passarão a ser chamados de “No-Majs”, conforme andiantamos aqui – onde o medo de exposição pública é ainda maior que no Reino Unido. O filme também mostrará o que acontece quando os vários monstros de Newt, alguns bastante perigosos, conseguem se libertar de sua mala.

Katherine Waterston, Ezra Miller, Colin Farrell, Dan Fogler, Samantha Morton, Jon Voight, Gemma Chan (da série Humans), Carmen Ejogo (Selma) e Ron Perlman (Hellboy) completam o elenco principal.

J K Rowling, criadora da franquia de Harry Potter, assina o roteiro de Animais Fantásticos e Onde Habitam – esta é sua estreia como roteirista – além de produzir o filme ao lado de David Heyman (produtor de todos os oito filmes da saga), Steve Kloves e Lionel Wigram. David Yates, que comandou os quatro últimos filmes da série Harry Potter, dirige o filme.