Em entrevista ao USA Today, o cocriador de Deadpool, Rob Liefeld, exaltou o filme solo do mercenário e disse que ele mudará a forma como as pessoas veem filmes de super-heróis.

“Quando eu li o roteiro em 2010, meu queixo caiu. Em fevereiro, vocês verão um espetáculo para maiores de 18 anos e, para terem feito isso sem ferrar o roteiro, é um milagre. O crédito vai para a genialidade de Rhett Reese e Paul Wernick [roteiristas]. O filme é poderoso, é cru… Eu não vejo como alguém poderá sair do cinema sem ter esse filme como seu favorito”, falou.

Recentemente, a produção de Deadpool retornou a Vancouver, no Canadá, para gravar novas cenas do filme do mercenário. Segundo reportagem do YVRSHoots, Ryan Reynolds e a equipe do longa vão ficar em Vancouver até 8 de novembro para as refilmagens. Algumas locações já usadas pela produção serão revisitadas.


Deadpool chegará aos cinemas em 12 de fevereiro de 2016.

No longa-metragem, Ryan Reynolds volta ao papel do anti-herói, já vivido por ele em X-Men Origens: Wolverine. A brasileira Morena Baccarin (Copycat), T.J. Miller (Fuinha), Gina Carano (Angel Dust), Brianna Hildebrand (Negasonic Teenage Warhead), Ed Skrein (Ajax) e Andre Tricoteux (Colossus) completam o elenco.

O roteiro foi escrito por Rhett Reese e Paul Wernick, dupla de Zumbilândia. A direção ficou a cargo de Tim Miller.

Ação, palavrões e muita zoeira no trailer legendado

Deadpool ainda nem foi lançado e já tem sua continuação engatilhada. Em entrevista ao Collider, Simon Kinberg revelou que a Fox já está começando a trabalhar em Deadpool 2leia mais.

Tudo sobre: Deadpool