J.J. Abrams falou pela primeira vez sobre a nova Estrela da Morte em Star Wars: O Despertar da Força – que já pôde ser vista no cartaz final do longa.

“Aparentemente é outra Estrela da Morte”, confirmou o diretor em entrevista à EW. “Sua ameaça é muito maior do que a Estrela da Morte original poderia ser. A base Starkiller é outro passo para frente, tecnologicamente falando, em termos desse poder [do novo Império]“, acrescentou.

Abrams também deu mais detalhes sobre o General Hux, vilão feito por Domhnall Gleeson e líder da base Starkiller.


“Ele tem um ar de superioridade, se acha melhor do que as pessoas à sua volta. Ele é muito cruel – e você não chega tão alto e rápido lá sem ser cruel. Ele derrubou algumas pessoas para isso. Hux é o oposto de Kylo Ren [o vilão principal]. Ambos têm uma relação própria, pouco comum, e estão disputando poder”.

A pós-produção de Star Wars: O Despertar da Força está finalizada e o filme teve sua duração revelada. De acordo com o site EW, o novo Star Wars terá 2 horas e 15 minutos.

Dirigido por J.J. Abrams, Star Wars: O Despertar da Força, o sétimo capítulo da saga e início de uma nova trilogia de filmes, estreia no Brasil em 17 de dezembro. A superprodução ocupará toda as salas IMAX do EUA durante seu primeiro mês de lançamento.

Já Star Wars: Episódio 8 terá direção de Rian Johnson e estreia em maio de 2017; candidatas à protagonista feminina já estão sendo procuradas (conheça as primeiras). Abrams descartou seu retorno à franquia, mas diz que aprova seu substituto – leia mais. Colin Trevorrow, de Jurassic World, recentemente foi confirmado na direção do Episódio IX e já começou a se preparar para o filme – veja aqui.

A franquia também ganhará filmes derivados; o primeiro é o longa de assalto Star Wars: Rogue One, com lançamento marcado para 16 de dezembro de 2016. O próximo derivado será um filme sobre as origens de Han Solo – leia mais.

Tudo sobre Star Wars: O Despertar da Força