Oscar 2016 | Presidente da Academia se diz “desapontada” com falta de diversidade

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A presidente da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, Cheryl Boone Isaacs, comentou em entrevista ao Deadline as críticas que o Oscar 2016 tem recebido por sua falta de diversidade nas indicações.

Pelo segundo ano consecutivo, todos os 20 atores indicados às categorias principais são brancos, apenas um dos diretores indicados, o mexico Alejandro G. Iñárritu (O Regresso), não é caucasiano, e nenhuma mulher figura na lista de indicados à melhor direção. Além disso, dois dos longas oscarizáveis com atores negros – Creed e Straight Outta Compton – foram esnobados pela categoria de melhor filme.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Claro que eu estou desapontada, mas isso não vai tirar a grandeza dos filmes indicados. 2015 foi um grande ano para o cinema, em todos os sentidos”, afirmou Cheryl, reconhecendo ainda que “nós temos que acelerar o processo” no que diz respeito ao aumento da diversidade no Oscar.

Confira os trailers dos indicados a melhor filme

A organização do Oscar não divulga informações demográficas sobre seus membros, mas um estudo de 2012 promovido pelo Los Angeles Times descobriu que 94% dos votantes são brancos, sendo 77% deles homens com idade média de 62.

Momentos depois do anúncio das indicações ao Oscar 2016, a falta de diversidade da premiação gerou um movimento nas redes sociais através da hashtag #OscarsSoWhite (OscarTãoBranco), que chegou a ser um dos assuntos mais comentados do dia.

Oscar 2016 e as “surpresas” da Academia

2016 é o ano do cinema de ação no Oscar. Filmes do gênero como Mad Max: Estrada da Fúria, Star Wars: O Despertar da Força, O Regresso e Perdido em Marte dominaram as categorias técnicas – leia mais.

Confira a lista completa dos indicados ao Oscar 2016

A entrega dos prêmios acontecerá em 28 de fevereiro, em cerimônia apresentada por Chris Rock, que substituirá Neil Patrick Harris no comando da maior festa do cinema.

Tudo sobre o Oscar 2016

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio