Josh Brolin ofereceu uma grande novidade sobre a sua participação como Thanos nas duas partes de Vingadores: Guerra Infinita.

“Não é dublagem, será captura de movimentos”, adiantou ao Superhero Hype. “Eu estou lá, não ficarei dentro de uma cabine de dublagem. Vou ser filmado. Vão colocar um monte de porcaria na minha cara (risos). Estarei sendo filmado por 34, 36 câmeras… algo assim. Cada movimento meu, tudo. Então, é uma coisa nova pra mim, será emocionante, de deixar os nervos à flor da pele. Mas eu confio nesses caras”, concluiu o empolgado ator.

Brolin não deu mais detalhes sobre o papel de Thanos em Vingadores 3 e 4, mas segundo ele a Marvel vai começar a traçar logo logo os rumos do vilão no seu universo cinematográfico.


“Suponho que eles vão se reunir muito em breve para falar sobre a trajetória de Thanos nos próximos anos. Estou empolgado! [Interpretá-lo] É uma das melhores decisões que eu já tomei”.

Recentemente, Joe e Anthony Russo, diretores das duas partes de Vingadores: Guerra Infinita, forneceram uma previsão para as filmagens deste terceiro e quarto filmes da saga. Vingadores 3 só estreará em 2018, mas vai começar antes do que você imagina:

“Nós começamos a filmar novamente em Atlanta em novembro”, disseram os irmãos ao Collider, que já rodaram Capitão América: Guerra Civil na cidade. “Voltaremos para lá no final de julho para terminar a pré-produção [de Vingadores 3] e filmaremos os dois filmes consecutivamente”, acrescentaram.

Os diretores vão trabalhar novamente com os roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely (que escreveram Capitão América 2 e 3), e segundo os Russos, “tivemos duas excelentes ideias para eles, que já começaram a escrever o primeiro rascunho da primeira parte [de Guerra Infinita]”.

Questionados sobre a ameaça principal de Vingadores 3 e 4, Thanos, os irmãos Russo apenas disseram que “ele tem uma agenda muito ambiciosa”.

Também foram perguntados sobre as possíveis aparições dos Defensores – os heróis das séries da Marvel com a Netflix – e eles não descartam a hipótese, pois “tudo é possível no universo cinematográfico da Marvel”.

Diretor fala sobre heróis secundários e presença dos Guardiões da Galáxia

Vingadores: Guerra Infinita – Parte 1 e Parte 2 serão rodados inteiramente com câmeras IMAX e podem custar US$ 1 bilhão para a Disney e Marvel, segundo o Bleeding Cool.

Vingadores 3 e 4 terão 67 personagens, adianta diretor

Joe e Anthony Russo, diretores de Capitão América 2 e 3, vão assumir o filme no lugar de Joss Whedon, diretor dos dois primeiros filmes dos Vingadores.

Vingadores 3 tem estreia marcada para 4 de maio de 2018. Vingadores 4 chegará aos cinemas um ano depois, em 3 de maio de 2019.

Vingadores 3 e 4 terão “a maior ameaça de todas” do Universo Marvel

Os próximos filmes da Marvel são Capitão América 3: Guerra Civil (6 de maio de 2016), Doutor Estranho (4 de novembro de 2016), Guardiões da Galáxia 2 (5 de maio de 2017), o reboot de Homem-Aranha (28 de julho de 2017), Thor: Ragnarok (3 de novembro de 2017), Pantera Negra (16 de fevereiro de 2018), Vingadores: Guerra Infinita – Parte 1 (4 de maio de 2018), Capitã Marvel (8 de março de 2019), Vingadores: Guerra Infinita – Parte 2 (3 de maio de 2019) e Inumanos (12 de julho de 2019).

A Marvel também anunciou três novos filmes para 2020, reservando as datas: 1º de maio de 2020, 10 de julho de 2020 e 6 de novembro de 2020. Os misteriosos filmes provavelmente representam o início da Fase 4 do estúdio no cinema.