A Série Divergente: Convergente | Produtor pede desculpas por fracasso do filme

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Série Divergente: Convergente não foi só um fracasso de crítica: afundou também na bilheteria fazendo virtualmente metade do número alcançado pelos outros filmes e fechando as contas mundialmente com US$170 milhões. Além da redução do orçamento do capítulo final da série, o fracasso levou também o chefe da Lionsgate a pedir desculpas.

Em entrevista ao Wall Street Analysts, Jon Felthemeier justificou: “Talvez tenhamos apressado um pouco o terceiro filme, ao invés de tomar nosso tempo com ele. Nós queríamos simplesmente concluir o filme até certa data”, disse.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Felthemeier prometeu não cometer o mesmo erro com futuras franquias da Lionsgate, incluindo os filmes da série Power Rangers, a terem início em 2017.

Crítica | A Série Divergente: Convergente

Com direção de Lee Toland Krieger (A Incrível História de Adaline), que substituirá Robert Schwentke (Insurgente, Convergente), A Série Divergente: Ascendente vai encerrar a franquia em 8 de junho de 2017.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio