Harry Potter | J.K. Rowling se desculpa por morte de personagem

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No aniversário da Batalha de Hogwarts, neste 2 de maio, a criadora de Harry Potter, J.K. Rowling se desculpou no Twitter pela morte do professor Remo Lupin (David Thewlis) – que perdeu a vida em Harry Potter e as Relíquias da Morte.

“Mais uma vez, é aniversário da Batalha de Hogwarts, então, como prometido, eu preciso me desculpar por uma morte. Esse ano é a de Remo Lupin”, escreveu a autora.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Para interesse de total honestidade, eu gostaria de confessar que não decidi matar Lupin até escrever A Ordem da Fênix. Arthur viveu, então Lupin precisava morrer. Eu sinto muito. Eu não gostei de fazer isso. A única vez que meu editor me viu chorar foi com o destino do Teddy”, justificou Rowling.

A franquia ganhará na metade do ano, no Reino Unido, uma nova peça de teatro, Harry Potter and the Cursed Child (Harry Potter e a Criança Amaldiçoadada).

J.K. Rowling visita bastidores da peça e fala sobre seus segredos

Na peça, enquanto Harry luta contra um passado que se recusa a ficar no passado, seu filho mais novo, Alvo Potter, precisa lidar com o peso de um legado de família que ele nunca quis. Enquanto passado e presente começam uma sinistra fusão, pai e filho aprendem uma verdade desconfortável: às vezes a escuridão vem de lugares inesperados, diz a sinopse de Harry Potter and the Cursed Child.

Além disso, o universo de Harry Potter também ganhará um filme derivado, Animais Fantásticos e Onde Habitam. Com estreia marcada para novembro deste ano, o longa servirá como o início de uma trilogia derivada. As estreias dos próximos filmes vão acontecer em 2018 e 2020.

Filme derivado vai virar livro

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio