Harry Potter and the Cursed Child | J.K. Rowling homenageia vítimas de massacre em Orlando

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O teatro onde está sendo exibida a peça Harry Potter and the Cursed Child agora tem uma bandeira de arco-íris na fachada, em homenagem às vítimas do massacre da boate Pulse, em Orlando. No último sábado (11), um homem entrou na boate LGBT de madrugada e assassinou mais de 50 frequentadores.

A autora J.K. Rowling foi ao Twitter postar uma foto da fachada do teatro, e usou na legenda a hashtag que marca o movimento de repúdio ao ataque: #LoveIsLove.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um trabalhador de uma atração do parque temático de Harry Potter em Orlando foi uma das vítimas do massacre. Rowling twittou anteriormente que “não conseguia parar de chorar” sobre o acontecido.

As primeiras apresentações estão acontecendo em Londres e spoilers já vazaram na internet. Veja tudo o que acontece, por sua conta e risco, na nossa descrição.

Confira também as primeiras reações de fãs à peça

J.K. Rowling comenta reações dos fãs à peça

Na peça, enquanto Harry luta contra um passado que se recusa a ficar no passado, seu filho mais novo, Alvo Potter, precisa lidar com o peso de um legado de família que ele nunca quis. Enquanto passado e presente começam uma sinistra fusão, pai e filho aprendem uma verdade desconfortável: às vezes a escuridão vem de lugares inesperados, diz a sinopse de Harry Potter and the Cursed Child.

Dividido em duas partes, o espetáculo começa a exibir sua primeira parte oficialmente em 30 de julho.

Além disso, o universo de Harry Potter também ganhará um filme derivado, Animais Fantásticos e Onde Habitam. Com estreia marcada para novembro deste ano, o longa servirá como o início de uma trilogia derivada. As estreias dos próximos filmes vão acontecer em 2018 e 2020.

Filme derivado vai virar livro

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio