Recentemente, o roteirista/diretor de Homem de Ferro 3 revelou que a Marvel descartou usar uma vilã principal em Homem de Ferro 3 por temer um impacto na venda de brinquedos do filme. Novamente falando sobre seu filme da Marvel, no entanto, Shane Black declarou que acha que ele e sua equipe fizeram um bom trabalho com o Mandarim.

Na trama do filme, Ben Kingsley era apresentado como o clássico vilão do personagem nos quadrinhos, mas no meio da metragem era revelado que Kingsley na verdade era apenas um ator contratado por Killian (Guy Pearce) para botar medo em Tony Stark. A reviravolta polêmica deixou muitos fãs decepcionados.

“Acho que fizemos o nosso trabalho bem demais, no sentido que conseguimos manter uma reviravolta inesperada em um filme enorme no meio do verão americano, o que é inacreditavelmente difícil”, disse Black ao IGN. “Alguns fãs se sentiram enganados, eu entendo. É difícil, você quer agradar os fãs, mas nesse caso eu realmente achei que era uma direção interessante na qual levamos o personagem”.


“No minuto em que você começa a governar seus impulsos criativos a partir de uma expectativa de como seu filme será recebido, você vai falhar. Vai falhar consigo mesmo, e com os fãs também”, concluiu o diretor/roteirista.

“Sinto que poderia fazer mais um Homem de Ferro”, diz Robert Downey Jr