Caça-Fantasmas não deve ser lançado na China; saiba por que

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O mercado chinês, o segundo mais lucrativo do mundo atrás do americano, provavelmente não receberá o reboot de Caça-Fantasmas, que estreia na maior parte do mundo essa semana.

A informação não é exatamente surpreendente, já que censores chineses rotineiramente barram produtos hollywoodianos que mostram fantasmas, espíritos ou qualquer produto que “promova cultos e superstições”. Piratas do Caribe: O Baú da Morte (2006), por exemplo, foi banido por mostrar canibalismo e cultos indígenas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Representantes da China Film Co., principal empresa do governo que lida com a censura dos filmes internacionais, disseram a The Hollywood Reporter que não acham que o filme “tem tanto mercado na China” e citaram que a maioria dos chineses não viram os filmes originais.

Críticas positivas são maioria nos primeiros reviews do filme

“A franquia será interminável”, diz produtora sobre sequências

Melissa McCarthy, Kristen Wiig, Leslie Jones e Kate McKinnon são as protagonistas do recomeço da franquia Caça-Fantasmas. Elas formam um quarteto de mulheres muito diferentes que se reúne para descobrir de uma maneira engraçada, assustadora e cheia de ação como salvar a cidade de Nova York e o resto do mundo da ameaça dos fantasmas.

Veja quanto o filme pode arrecadar em primeiro fim de semana

O novo Caça-Fantasmas estreia nos cinemas brasileiros em 14 de julho. Além do reboot feminino e um filme derivado com protagonistas masculinos, Caça-Fantasmas também ganhará uma versão animada – saiba mais detalhes.

Olhar Geek | Diretor de Caça-Fantasmas não está errado sobre a cultura nerd e o machismo

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio