Luc Besson perde processo de plágio contra John Carpenter, e terá que pagar multa

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O cineasta e roteirista francês Luc Besson, que se prepara para lançar a ficção científica Valerian and the City of a Thousand Planets, vai ter que pagar cerca de meio milhão de dólares em multa por plagiar John Carpenter.

Valerian | Rihanna tem o papel mais estranho do filme, conta Luc Besson

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma corte em Paris decidiu que Besson era culpado de plagiar o clássico Fuga de Nova York (1981), dirigido por Carpenter, em seu filme Sequestro no Espaço (2012). Besson não dirigiu a ação estrelada por Guy Pearce, mas co-escreveu o roteiro e produziu o filme.

Carpenter resolveu seguir com o processo após vários críticos apontarem as semelhanças entre as tramas dos filmes. Em Sequestro no Espaço, Pearce é um presidiário em um futuro distópico que é oferecido perdão em troca de salvar a filha do presidente dos EUA, perdida em meio a um planeta distante que é usado como prisão pelo governo totalitário.

The Walking Dead | John Carpenter critica a série: “Cópia de George A. Romero”

Já em Fuga de Nova York, é claro, o criminoso condenado Snake Pilssen (Kurt Russell) é mandado pelo governo para resgatar o próprio presidente da cidade de Manhattan, transformada em uma gigantesca prisão pelo governo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio