Warcraft | Universal é processada por fazer marketing ilegal do filme em celulares

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Warcraft – O Primeiro Encontro Entre Dois Mundos tem causado mais problemas do que soluções para a Universal. Em um esforço para melhorar o desempenho do filme nos EUA, o estúdio usou o serviço Twilio para enviar SMS promocionais do filme para milhões de usuários no país. Agora, o estúdio está sendo processado pela empresa.

O Twilio provém números de telefone para empresas, geralmente de telemarketing. No entanto, segundo uma lei americana, enviar mensagens de texto não solicitadas a clientes de operadoras de celular não é permitido. O advogado Charlie Fitzgerald III está comandando o processo, levantado por vários usuários de uma mesma rede de celulares americana.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Olá da equipe do filme Warcraft! Você foi um dos poucos que foram escolhidos hoje para se juntar à luta. Você vai liderar a Horda ou a Aliança para a vitória?”, dizia uma das mensagens enviadas para múltiplos usuários, seguida do link da compra dos ingressos para o filme.

“O sucesso do filme na China assustou Hollywood”, diz Jackie Chan

Diretor fala da possibilidade de uma sequência

Baseado no universo de jogos World of Warcraft, o filme acompanha o conflito gerado pelo primeiro contato entre orcs e humanos, mostrando os dois lados da história. De um lado está Anduin Lothar (Travis Fimmel), o personagem principal da Aliança, que sacrificou tudo para manter salvo o povo de Azeroth, e do outro Durotan (Toby Kebbel), o principal personagem da Horda, nobre chefe do clã Frostwolf, que batalha para salvar seu povo e sua família da extinção.

Crítica | Warcraft – O Primeiro Encontro de Dois Mundos

Os segredos e curiosidades de Warcraft

A direção ficou a cargo de Duncan Jones.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio