Amy Dunne e Rachel Watson. Duas garotas desagradáveis que conquistaram o público – ambas são best-sellers – e ganharam suas versões para o cinema, em narrativas que exploram o subúrbio de forma obscura – tanto Paula Hawkins quanto Gillian Flynn, escritora de Garota Exemplar, abordam o tema de uma mulher desaparecida e um marido suspeito.

Em entrevista para o site The Hollywood Reporter,  Hawkins admite uma semelhança entre as duas tramas, mas não tão profunda. “Amy Dunne é uma psicopata, uma manipuladora incrível, inteligente e habilidosa mulher. Rachel é apenas uma bagunça que não consegue fazer nada certo”, afirma. “Amy é deliberadamente não confiável, enquanto Rachel é acidentalmente não confiável por causa dos seus problemas com a bebida.”

Veja o primeiro trailer legendado aqui


Estrelado por Emily Blunt, A Garota no Trem acompanha a história de uma mulher devastada pelo recente divórcio, que passa todo seu trajeto diário para casa fantasiando sobre um casal, aparentemente perfeito, que vive em uma casa cujo trem sempre passa por lá. Ao longo do caminho, ela se envolve em um mistério que gira em torno do casal.

Luke Evans, Rebecca Ferguson, Laura Prepon, Edgar Ramírez, Allison Janney, Justin Theroux, Lisa Kudrow e Haley Bennett completam o elenco. Tate Taylor (Histórias Cruzadas, James Brown) dirige o filme, baseado no roteiro de Cressida Wilson.

A Garota no Trem chega ao Brasil em 24 de novembro.

Confira o segundo trailer do filme aqui