A Luz Entre Oceanos | Esposa do diretor do filme detona críticas negativas

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Críticas negativas de The Light Between Oceans não agradaram em nada a esposa do diretor Derek Cianfrance.

Antiga aposta da Disney para o Oscar de 2017, The Light Between Oceans teve sua chances limitadas quando os críticos começaram a detonar o filme de uma maneira inesperada. Entretanto, a produtora não foi a única frustrada pelo desempenho pífio junto aos jornalistas especializados, porque a esposa do diretor Derek Cianfrance manifestou sua indignação por meio de uma nota.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Shannon Plumb respondeu às críticas negativas afirmando que tamanho descontentamento com o filme fez com que o mesmo perdesse força nas bilheteria, resultado numa perda de “alguns milhões de dólares” no seu final de semana de estreia. “Há um embargo em avaliar um certo filme”, diz Plumb. “Ninguém tinha permissão de publicar as críticas até horas antes da estreia. Mas haviam cinco avaliações já publicadas, uma pela Variety, que estava lá dois antes do circuito comercial. Os críticos quebraram esse acordo. Eles estavam testando suas palavras como a Coreia do Norte testa suas bombas atômicas. “Olha o que podemos fazer”, diziam eles”.

Confira o trailer do romance

Baseada no livro de M.L. Stedman, a trama gira em torno de um casal, interpretado por Fassbender e Vikander, que vive aos pés de um farol na Austrália. Após diversas tentativas de terem seus próprios filhos, eles são surpreendidos pela chegada de um barco com um homem morto e um bebê vivo. Rachel Weisz também está no filme.

Dirigido por Derek Cianfrance (O Lugar Onde Tudo Termina), o drama chega aos EUA em 2 de setembro. The Light Between Oceans estreia em 22 de setembro no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio