Aquarius | Classificação indicativa do filme muda para 16 anos

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após muita polêmica envolvendo a censura de Aquarius, o Ministério da Justiça diminuiu a classificação indicativa do filme brasileiro de 18 para 16 anos.

O diretor Kleber Mendonça Filho comemorou a decisão em seu perfil no Facebook, afirmando: “Justiça acaba de ser feita”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estrela do longa, Sonia Braga, chegou a criticar a alta classificação indicativa na pré-estreia no Rio de Janeiro e incitou o público mais jovem a fazer protestos nas salas de cinemas pelo direito de conferir o filme – veja aqui.

O Ministério da Justiça justificou a classificação anterior do filme por conta das suas cenas de sexo explícito – uma delas, inclui a exibição de um pênis ereto.

Em Aquarius, Sonia Braga interpreta uma senhora que se recusa a se mudar do seu apartamento mesmo quando se torna a última moradora do prédio, que uma companhia quer comprar para demolir. A personagem jura que só sairá de sua casa quando estiver morta.

A Netflix comprou os direitos de distribuição internacional do filme, mas no Brasil o longa chega aos cinemas em 1º de setembro.

Confira o trailer de Aquarius

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio