O Bebê de Bridget Jones | Colin Firth quase recusou filme original: “Parecia chato”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Colin Firth contou em recente entrevista com o CinemaBlend que quase recusou o papel no primeiro Bridget Jones, em 2001. O astro, que retorna para o terceiro filme, O Bebê de Bridget Jones, esse ano, contou por que.

“Eu comecei pensando, quando li o roteiro, que não havia como me conectar com esse personagem. Eu recusei, porque fiquei pensando em como ele parecia chato. Ele não faz nada! Ele só fica por perto e faz cara amarrada”, riu o ator.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Mas então, depois de algum tempo, eu pensei: ‘oras, isso pode ser muito libertador!’. Porque eu não precisava ser charmoso ou me esforçar para ser carismático. Eu só podia ser distante e antipático, o que é muito divertido”, concluiu.

Elenco dá ideias para próxima continuação, com menopausa e netos

Patrick Dempsey fala sem querer de ereções durante entrevista

Em O Bebê de Bridget Jones, o terceiro filme da franquia, depois de anos lutando contra a balança e tentando ter uma vida amorosa normal, a protagonista vivida por Renée Zellweger segue confiante já que sua vida está dando sinais de melhora. Tudo parece caminhar bem, exceto por um detalhe: aos 40 anos, ela descobre que está esperando seu primeiro filho.

Além de Zellweger, retorna para a comédia romântica o ator Colin Firth, como Mark Darcy, parceiro de Bridget – Hugh Grant não reprisa o papel de Daniel Cleaver. Patrick Dempsey (Grey’s Anatomy) e o cantor Ed Sheeran são as novidades do elenco.

Confira o trailer legendado do filme

Sharon Maguire (O Diário de Bridget Jones) dirige Bridget Jones 3, que será lançado no Brasil em 29 de setembro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio