A Noiva de Frankenstein é uma história de liberação feminina, diz roteirista do remake

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

David Koepp, que trabalhou nas franquias Jurassic Park e Indiana Jones, foi contratado pela Univeral para o remake de A Noiva de Frankenstein, clássico de terror de 1935.

Em uma recente entrevista com o Collider, o roteirista de uma atualização sobre o projeto, dizendo que a Universal ainda está procurando onde encaixá-lo em sua franquia de universo compartilhado de monstros.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Estúdio quer Angelina Jolie para o papel título

“Eu amei escrever isso. É um dos meus roteiros preferidos que escrevi em anos, porque se você pensa na história de Frankenstein, muitos dos temas tem a ver com o homem querendo dominar a mulher. E então esse homem cria uma mulher, mas ela diz que ele não é dono dela. É uma história de liberação feminina”, comentou.

Dirigido por James Whale, A Noiva de Frankenstein original mostrou Boris Karloff como o monstro de Frankenstein e Elsa Lanchester como sua noiva.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio