Cinemas dos EUA não tem tecnologia para exibir novo filme de Kristen Stewart

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Billy Lynn’s Long Halftime Walk, drama de guerra do diretor Ang Lee (O Segredo de Brokeback Mountain e vencedor do Oscar por As Aventuras de Pi), foi filmado em 120 frames por segundo.

A tecnologia, que multiplica por seis o formato comum de exibição (em torno de 24 frames por segundo) traz um visual bem diferente do tradicional, mas não tem agradado críticos e público que assistiram ao filme nos festivais.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Talvez seja para o bem, portanto, essa nova notícia: mesmo nos EUA, país onde o filme foi produzido, apenas dois (isso mesmo, dois) cinemas tem a tecnologia para exibir a obra da forma como foi idealizada. No mundo, apenas mais 4 cinemas tem a mesma tecnologia.

Olhar Geek | Apostas para o Oscar 2017

Baseada no romance de Ben Fountain, a trama acompanha o chamado “Tour da vitória” de um grupo de soldados que retorna da Guerra do Iraque. O evento acontece no Texas Stadium, durante um jogo de futebol americano no Dia de Ação de Graças, e quase toda a ação do filme se passa durante o jogo, mostrando também as vésperas do retorno do esquadrão.

O novato Joe Alwyn faz o protagonista Billy Lynn, um soldado de 19 anos. Kristen Stewart, Vin Diesel, Steve Martin, Chris Tucker e Garrett Hedlund completam o elenco.

Escrito por Simon Beaufoy (Quem Quer Ser Um Milionário? ), Billy Lynn’s Long Halftime Walk estreia em novembro nos EUA.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio