O problema de vilões pouco marcantes da Marvel deve finalmente ter chegado ao conhecimento dos diretores e roteiristas trabalhando no universo cinematográfico da empresa.

O diretor Scott Derrickson, por exemplo, quis salientar que Kaecilius (Mads Mikkelsen), o vilão de Doutor Estranho, é muito diferente dos outros antagonistas da editora.

“O que eu queria com o meu vilão era criar um homem que é compelido por um objetivo identificável e compreensível. Ele é um homem de ideias. Ele tem um ponto de vista que é possível de defender, e é isso que eu sempre acho interessante em vilões”, escreveu em um bate-papo com os fãs no Reddit.


Magia e ciência são “praticamente o mesmo” no filme
Kevin Feige fala sobre o vilão Kaecilius
Filme vai explorar “dimensões que a mente humana não compreende”

A adaptação da HQ acompanha a história do talentoso neurocirurgião Dr. Stephen Strange (Benedict Cumberbatch) que, após um trágico acidente de carro, precisa colocar o ego de lado e aprender os segredos de um mundo oculto de misticismo e dimensões alternativas.

Doutor Estranho será o começo do multiverso Marvel, confirma diretor
Doutor Estranho usa muito seus poderes no novo trailer; confira!
Novo vídeo detalha personagens do filme

Rachel McAdams,  Michael Stuhlbarg, Scott Adkins, Amy Landecker, Benedict Wong e Benjamin Bratt completam o elenco. A direção é de Scott Derrickson (A Entidade, O Exorcismo de Emily Rose). Doutor Estranho estreia no Brasil em 3 de novembro deste ano.