O blog Angry Asian Man recebeu uma denúncia anônima de “um homem asiático-americano de dentro da indústria” de que o roteiro para a versão com atores de Mulan, da Disney, tem um protagonista masculino e branco ao invés da princesa chinesa que estrela o filme animado.

O ator Joel de la Fuente, que trabalha em The Man in the High Castle, mais tarde veio corroborar a história e disse ter lido um rascunho do roteiro com um protagonista masculino e caucasiano.

“O homem é um europeu de 30 e poucos anos que só decide ajudar o império chinês porque se apaixona por Mulan. Mais de metade das páginas do roteiro, escrito por Lauren Hynek e Elizabeth Martin, é dedicado a esse personagem masculino, que no final ainda derrota o principal vilão ao invés de Mulan”, escreveu a fonte do blog.


Recentemente, o estúdio anunciou que pretende fazer uma versão com atores da história, baseada na lenda chinesa de Hua Mulan. Nomes como Arden Cho (Teen Wolf) foram levantados para o papel principal.

Saiba mais sobre os 17 próximos projetos de adaptação da Disney

A Grande Muralha provoca polêmica por escalar Matt Damon em papel chinês

Ainda não há notícias mais concretas sobre o remake live-action de Mulan – a data de estreia é dia 2 de novembro de 2018.

O projeto causou polêmica há algumas semanas após fãs criarem um abaixo-assinado para que uma atriz chinesa fosse escalada no papel, evitando um caso de “branqueamento” da personagem – confira mais aqui.