Lynda Carter, a Mulher-Maravilha na série de TV dos anos 70, por pouco não participou do vindouro filme solo da heroína. Em entrevista à Variety, a atriz revelou que chegou a negociar sua aparição, mas não conseguiu fechar um acordo.

“Eu conversei com [a diretora] Patty Jenkins. Ela me falou por telefone sobre a personagem e tentamos ver se eu poderia fazer alguma coisa no filme, mas não funcionou. Não foi no momento certo, porque eu estava fazendo outras coisas e não conseguiria ir até o local das filmagens”, explicou.

Questionada então se toparia aparecer em uma possível sequência de Mulher-Maravilha, Carter deixou a porta aberta para a possibilidade, mas indicou que, pelo menos neste momento, ela prefere fazer “coisas novas”.


A atriz ainda declarou todo seu apoio à nova intérprete da heroína, Gal Gadot:

“Existe outra pessoa fazendo esse papel agora, e está tudo bem. Deveriam mesmo fazer um filme dela. Eu apoio Gal de todo o coração, e desejo a ela e a Patty todo o sucesso do mundo”.

ONU vai declarar Dia da Mulher-Maravilha em evento com Lynda Carter

Mulher-Maravilha já teve suas filmagens encerradas e agora está na fase de pós-produção. Estrelado por Gal Gadot, o filme chega aos cinemas dia 23 de junho de 2017.

Primeiro trailer veio cheio de ação; confira!

Veja a primeira sinopse oficial

Atriz diz que filme da heroína tem humor, mas é sombrio

Graphic Novels Mulher MaravilhaA coleção DC Graphic Novels da Mulher Maravilha está disponível, CLIQUE AQUI e garanta já o seu.