Uma Linda Mulher | História original não tinha final feliz, diz roteirista

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O roteirista de Uma Linda Mulher, JF Lawton, revelou em entrevista a um programa da NBC que, originalmente, o filme seria mais sombrio e seria chamado de $3.000, uma referência ao valor pago por Robert (Richard Gere) ao fim de semana com Vivian (Julia Roberts).

“Eu era um roteirista que estava tentando conseguir um emprego e vender alguns roteiros, por isso tinha roteiros ‘ninjas’ e outras comédias escritas”, disse Lawton a Vanity Fair. “De repente, eu disse: ‘Bem, talvez eu preciso fazer algo mais sério e dramático’.”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No roteiro original, Vivian era usuária de drogas, ela e Robert não viviam um conta de fadas e sua amiga Kit morreria no final do filme de uma overdose.

“No final original, o personagem de Richard expulsa Vivian do seu carro e joga o dinheiro em cima dela, partindo logo em seguida”, disse ele.

Mas após a produção adquirir os direitos sobre a música Oh Pretty Woman, de Roy Robinson, eles mudaram o título e Gary Marshall optou por reescrever o roteiro, escolhendo o final feliz que apresentou no clássico dos anos 1990.

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio