A Grande Muralha | “Não roubei o papel de nenhum ator chinês”, diz Matt Damon sobre controvérsia do elenco

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Matt Damon estrela o novo filme de ação, A Grande Muralha, e assim que sua escalação para o papel principal foi anunciada, muitas críticas foram direcionadas à produção. E, em uma entrevista recente com a Associated Press (via revista Time), Damon disse que pensou que a controvérsia em torno do elenco iria morrer “uma vez que as pessoas vissem a grandiosidade do filme”.

“É uma fantasia histórica e eu não roubei o papel de nenhum ator chinês”, acrescentou. “Não foi alterado por minha causa.”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Damon também disse à publicação que ele vê o “embranquecimento” como referência ao processo de um ator branco usar maquiagem, a fim de retratar um personagem de uma raça diferente.

“Levo muito a sério essa ideia toda de embranquecimento”, concluiu o ator.

O astro chinês Andy Lau e Jing Tian completam o elenco, ao lado de Damon, Pedro Pascal e Willem Dafoe.

A fantasia acompanha um grupo de soldados britânicos que se depara com o início das construções da Grande Muralha da China. Aos poucos, eles percebem que o objetivo não é apenas proteger a população dos mongóis, mas sim de uma ameaça muito mais sinistra.

Diretor defende escalação de Matt Damon após críticas

Com direção do chinês Yimou Zhang (Flores do Oriente, O Clã das Adagas Voadoras), A Grande Muralha será lançado em 3D nos EUA e no Brasil em fevereiro de 2017.

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio