Mulher-Maravilha vai explorar “os horrores da guerra”, segundo diretora

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A diretora Patty Jenkins contou à Empire que um dos temas que ela buscou explorar com Mulher-Maravilha foram os horrores da guerra. Na trama, Diana sai de Themyscira para auxiliar os Aliados na Primeira Guerra Mundial.

“Minha abordagem, meu foco, foi na história da guerra mecanizada e como isso pareceria para um deusa visitando o nosso mundo pela primeira vez. Eu queria que o público entendesse os horrores da guerra, e especialmente de uma guerra dessa escala, e como isso seria chocante para alguém que chega a esse mundo com um senso de honra e justiça tão forte. Ela percebe o quão sombrio esse mundo pode ser”, comentou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mulher-Maravilha é “diferente de tudo o que a DC já fez”, diz produtor

Mulher-Maravilha estreia no dia 1º de junho de 2017 no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio