Oscar 2017 desqualifica A Chegada e novo filme de Martin Scorsese da categoria de trilha sonora

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas retirou três filmes da lista de indicados para melhor trilha sonora: A Chegada (Denis Villeneuve), Manchester by the Sea (Kenneth Lonergan) e Silence (Martin Scorsese).

A justificativa para a desqualificação de A Chegada envolve a regra 15 II E das regras de elegibilidade da Academia, que diz que uma trilha não pode ser elegível caso tenha sido “diluída” em composições já existentes, não compostas especificamente para o filme ou pelo compositor da trilha. Tal regra foi aplicada pelo uso de On the Nature of Daylight, de Max Richter, no drama de Vilenueve.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jóhann Jóhannsson, compositor da trilha de A Chegada, comentou à Variety nessa terça (13) que, para a trilha do filme, além de usar a composição já existente de Richter, ele captou 16 faixas em loop de piano, violoncelo e outros instrumentos – além de sons da natureza.  “O que ouvimos é algo bem ‘old-fashion’”, comenta. Segundo fontes da Paramont, essa contribuição de Jóhannsson para o filme foi de 86%.

Oscar 2017 anuncia os 15 documentários pré-indicados na categoria

O mesmo caso desqualificou Manchester by the Sea e Silence: as trilhas continham diversas obras clássicas, e os trabalhos dos compositores Lesley Barber (para Manchester by the Sea e Silence) e de Kim Allen Kluge e Kathryn Kluge (para Silence) foram considerados “pouco substanciais” pela Academia.

O anúncio final dos indicados será no dia 24 de janeiro, enquanto a cerimônia acontece no dia 26 de fevereiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio