Ator de Luke Cage protesta contra lei anti-imigração de Trump no SAG Awards: “Eu sou muçulmano”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mahershala Ali, vencedor do SAG Awards de Melhor ator coadjuvante por sua performance em Moonlight: Sob a Luz do Luar, usou seu discurso de vitória na premiação para protestar contra a lei anti-imigração do presidente americano Donald Trump.

O ator, também conhecido como o vilão Boca de Algodão na série Luke Cage, disse no palco do evento: “Quando ficamos presos às minúcias e aos detalhes que nos tornam todos diferentes, acho que existe duas maneiras de ver isso. Há a oportunidade de ver a textura dessa pessoa, as características que os tornam únicos, e então há uma oportunidade de ir à guerra e dizer que essa pessoa é diferente de mim, não gosto de você, vamos lutar”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu sou muçulmano”, continuou o ator, acrescentando que sua mãe, uma ministra ordenada, “não deu pulos de alegria quando contei para ela que me converti”.

SAG Awards 2017 | Confira os vencedores

O discurso politizado de Ali é feito em meio a crescentes protestos contra a ordem executiva de Trump que suspendeu a entrada de todos os refugiados e imigrantes de vários países muçulmanos. A proibição inclui imigrantes do Irã, Iraque, Síria, Líbia, Sudão, Somália e Iêmen.

Indicado a 8 Oscars, Moonlight: Sob a Luz do Luar estreia em 23 de fevereiro no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio