Cenas inéditas de Marilyn Monroe são descobertas

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A icônica cena do vestido de Marilyn Monroe voando em O Pecado Mora ao Lado (1955) agora pode ser vista de um novo ângulo graças a uma filmagem recuperada do momento.

Em 15 de setembro de 1954, o diretor Billy Wilder e Monroe estavam programados para rodar a famosa sequência numa calçada de Nova York; entretanto, a multidão de jornalistas e espectadores – incluindo o marido da estrela na época, Joe DiMaggio, que famosamente odiava o vestido – impediu o trabalho e forçou as gravações a aconteceram no estúdio da 20th Century Fox. No meio da multidão naquele dia estava um homem chamado Jules Schulback, que acompanhou Marilyn Monroe e sua tentativa de filmar a cena do vestido.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O registro de Schulback foi descoberto posteriormente por sua neta Bonnie Siegler e seu marido Jeff Scher em um saco de plástico contendo filmes antigos feitos pelo avô com viagens em família, bar mitzvahs e, por acaso, a filmagem de Monroe na grelha do metrô de Manhattan.

As cenas foram editadas para um vídeo de 12 segundos e postadas no site do New York Times. O vídeo original tem 3 minutos e 17 segundos de duração.

Em entrevista ao jornal, a irmã mais velha de Siegler, Rayna Dineen, revelou que Schulback sempre contava histórias para a família sobre os momentos que ele capturou de O Pecado Mora ao Lado, mas que nunca haviam acreditado nele até encontrarem as filmagens em 2004.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio