Filme de Star Trek feito por fã se transforma em briga judicial por direitos autorais

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Paramount Pictures e a CBS obtiveram sucesso em seu processo de direitos autorais sobre a Axanar, um vídeo de 20 minutos do YouTube que tem a proposta de apresentar uma versão do universo de Star Trek. De acordo com um juiz federal da Califórnia, o trabalho amador atinge os direitos dos estúdios ao apresentar conteúdo substancialmente semelhante às produções de Star Trek para a televisão.

O processo foi arquivado há um ano atrás, após Alec Peters, nome à frente da Axanar Productions, pretender levantar mais de US$ 1 milhão no Kickstarter com o vídeo baseado no universo galáctico criado na década de 1960.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em maio de 2016, o caso começou a chamar a atenção com o questionamento de se a Paramount e a CBS poderiam se apropriar de tudo, desde “orelhas pontiagudas” até a linguagem klingon, especialmente à luz de muitas obras feitas por fãs que foram permitidas ao longo dos anos sem controvérsia.

Diretor de Star Trek reimagina Os Jetsons em incrível comercial com atores

Entretanto, ambos os estúdios seguiram em frente com o processo e nesta quarta-feira (04), o juiz do Tribunal de Distrito dos EUA, R. Gary Klausner, divulgou sua opinião:

“Com relação à primeira questão central, a Corte considera que os Trabalhos de Axanar têm similaridade substancial com as obras de Star Trek que possuem direitos autorais pertencentes à Paramount e à CBS”, afirmou.

O caso não está encerado, já que o vídeo ainda será analisado por um júri para concluir se o conteúdo apresentado por Axanar é completamente similar ao da série de TV. Os representantes de Peters afirmam que estão “esperançosos” quanto ao resultado do julgamento.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio