Blame!, anime original da Netflix, estreia em maio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Netflix anunciou nesta sexta-feira (24) a data de estreia de Blame!, seu novo anime original. O longa-metragem estará disponível no catálogo da rede stremaing em 20 de maio deste ano.

Baseado no mangá de mesmo nome do final dos anos 90, Blame! se passa em um futuro distante no qual os remanescentes da raça humana habitam dentro da Megaestrutura, um labirinto vasto e perigoso que se tornou selvagem e fora de controle. Dentro deste mundo está o misterioso Killy, uma pessoa estranha em uma missão para tirar a civilização do iminente esquecimento.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Além da data de lançamento, a Netflix também divulgou o elenco de dubladores, liderado por Takahiro Sakurai (AJIN: Demi-Human, Knights of Sidonia) que faz o protagonista, Killy. Cibo, cientista que o acompanha nesta jornada, é interpretado por Kana Hanazawa (Psycho-Pass, Zegapain).

Sora Amamiya (The Seven Deadly Sins, Tokyo Ghoul) será Zuru, uma garota vinda de um vilarejo à beira da extinção; e Aya Suzaki (AJIN: Demi-Human, Knights of Sidonia) será Tae, a melhor amiga de Zuru. Kazuhiro Yamaji (Psycho-Pass, DragonBall Super) interpretará Oyassan, do mesmo vilarejo de Zuru e líder do grupo conhecido como Electrofishers, com seu braço-direito Sutezou, interpretado por Mamoru Miyano (AJIN: Demi-Human, The Seven Deadly Sins).

A trilha sonora do filme é do renomado compositor Yugo Kanno, conhecido por seus trabalhos em TV, filmes e animes, dentre eles AJIN: Demi-Human, também disponível com exclusividade na Netflix. As vozes do tema principal do filme ficarão a cargo da famosa banda pop japonesa Angela, conhecida por suas melodias características e arranjos criativos.

Lançada inicialmente como mangá de 1997 a 2003, a adaptação de Blame! estreará vinte anos após sua versão original e marcará a nova colaboração da Netflix com Tsutomu Nihei após Knights of Sidonia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio